Terras do Azinhal no Jornal de Leiria

Trabalho de JOão Xavier no Jornal de Leiria de 11jun2015

A convite do Jornal de Leira, elaborei um trabalho sobre passeios nas terras do Azinhal, para a secção «Viagens (fora) da minha terra».
O artigo foi publicado na edição de hoje do prestigiado semanário.

Foto João Xavier - O Guadiana no Murtal

Foto João Xavier - Forno na Calçada

Eis o texto:

No Algarve mutifacetado, percorrer terras do Azinhal, no concelho de Castro Marim, é descobrir um mundo novo, de sossego e encanto.
O acesso à aldeia pode ser feito pelo IC 27 ou mesmo pela velha Estrada Nacional 122. Ali podemos aconchegar o estômago no Largo do Mercado e na pastelaria A Prova, onde muitos turistas vão procurar doçaria algarvia.
Depois, podemos rumar na direção do Guadiana, passando pela Igreja e deixando um pouco mais à frente o alcatrão, no caminho que nos leva ao Murtal.
À esquerda, paramos no marco geodésico do Cerro do Boi e contemplamos a serrania de xistos e grauvaques, o Guadiana e a respetiva ponte. Caminho fora, a fauna diversificada vai-nos espreitando e, conforme a época do ano, a vegetação exibe-se em cores e ritmos diferentes.
Cada vez mais perto do Guadiana, vamos passando por património hidráulico de outras eras, casario abandonado e campos outrora cultivados e agora destinados a uma renaturalização imposta pelas modas.
Outro percurso interessante, também a caminho do Guadiana, é o das Choças. Podemos ir a partir da Estrada Nacional 122, onde nos é dada a indicação de Almada de Ouro, mas virando a leste logo que passamos a ponte da Ribeira das Choças. Caminhar por ali é caminhar pelo passado de uma quinta que foi pujante, mas espera há 30 anos por um aldeamento turístico de luxo.
Inesquecível também é a visita a lugarejos diversos da freguesia do Azinhal. Chegando de carro mas percorrendo depois a pé os arruamentos rurais, descobrimos recantos e aromas em sítios como a Sentinela, a Alcaria Grande, a Corte do Gago, os Corujos, o Piçarral, as Murteiras de Cima e de Baixo e também Almada de Ouro.
Passeie, fotografe, fale com os poucos habitantes. As terras do Azinhal vão ficar-lhe no coração.
O Algarve cosmopolita de «sol e praias» é mais a sul.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: