O vento no Azinhal

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Gerada em consequência das diferenças de pressão atmosférica, a deslocação do ar é influenciada pelo relevo serrano, com microrreferências específicas em alguns locais.
No Algarve, o conhecido anticiclone dos Açores é o que mais costuma interferir no comportamento dos ventos, sobretudo no que se refere às respetivas direções predominantes.
Os ventos predominantes na freguesia do Azinhal sopram na direção do norte e do noroeste (sendo essa tendência mais notória no outono e no inverno), o que favorece a entrada de ares mediterrânicos.
No Azinhal, o vento é geralmente fraco/médio (habitualmente com a velocidade máxima de 12 km / hora e com rajadas inferiores a 30 Km / hora). Os ventos fortes são escassos, mas quando surgem vêm maioritariamente de sudoeste.
Segundo um estudo realizado recentemente pelo Instituto Nacional de Engenharia, Tecnologia e Inovação, a média do escoamento atmosférico (a 80 metros de altura) na freguesia do Azinhal é ligeiramente superior a 5 metros / segundo, com um fluxo de potência avaliado em cerca de 200 watts /m2, em caso de aproveitamento da energia eólica (um potencial fraco, se comparado, por exemplo, com o extremo sudoeste do Barlavento do Algarve).
No outro lado da fronteira, junto à freguesia do Azinhal, o parque eólico de Monte Gordo (Espanha) é considerado um caso de sucesso na produção de energia elétrica a partir do aproveitamento dos ventos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: